Assistência ao surdo na atenção primária: concepções de profissionais

  • Rosângela Nunes Almeida Da Silva UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO
  • Sernandes Rodrigues da Silva FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DO MARANHÃO-FACEMA
  • Francidalma Soares Sousa Carvalho Filha Faculdade de Ciências e Tecnologia do Maranhão(FACEMA) e da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).
  • Francisco Laurindo Da Silva Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).
  • Jaiane de Melo Vilanova Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).
Palavras-chave: Enfermagem

Resumo

A surdez é a incapacidade de um indivíduo ouvir perfeitamente. Assim, a pessoa surda encontra várias barreiras no atendimento ao procurar os serviços de saúde na Atenção Primária à Saúde. O objetivo deste estudo foi avaliar a assistência ofertada aos surdos na Atenção Primária à Saúde na concepção de profissionais de saúde. Trata-se de uma pesquisa avaliativa por triangulação de métodos, com abordagem quanti-qualitativa, realizado nas Unidades Básicas de Saúde do município de Caxias-MA, com 99 profissionais de saúde. Verificaram-se que os profissionais atuantes na Atenção Primária não dominam e por isso não utilizam a Libras na assistência ao surdo. A comunicação é a principal barreira que há entre surdos e profissionais que impede a compreensão, e assim, a realização de uma boa assistência. A Atenção Primária do município não tem nenhum tipo de recurso, quer seja ele físico, material ou organizacional para auxiliar os profissionais no atendimento à pessoa surda. Há uma necessidade urgente de os profissionais fazerem capacitações em Libras para melhor atender aos usuários surdos.

Biografia do Autor

Rosângela Nunes Almeida Da Silva, UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO
Possui graduação em Enfermagem e Obstetrícia pela Universidade Estadual do Maranhão (2002). Especialização em Saúde Mental, Saúde da Família, Saúde Pública e Formação Pedagógica na Área de Enfermagem. Atualmente é mestranda em Biodiversidade, Ambiente e Saúde pela Universidade Estadual do Maranhão( CESC-UEMA). Atua como enfermeira da Atenção Primária à Saúde(PACS) de Aldeias Altas-MA e como docente da Universidade Estadual do Maranhão(UEMA), no curso de Enfermagem Bacharelado.Tem experiência em docência de ensino médio e superior, saúde coletiva, saúde pública, saúde mental e urgência/ emergência.
Publicado
14-12-2016
Como Citar
1.
Da Silva R, da Silva S, Carvalho Filha F, Da Silva F, Vilanova J. Assistência ao surdo na atenção primária: concepções de profissionais. JMPHC [Internet]. 14dez.2016 [citado 18out.2019];6(2):189-04. Available from: http://jmphc.com.br/jmphc/article/view/266